Concurso Público do Exército 2018 – Sargento




Confira aqui mais detalhes sobre o Concurso Público para Sargento do Exército.

Entre os diversos concursos públicos ainda em processo de oficialização, alguns já estão com edital pronto e publicado. Assim, foi anunciada a abertura de inscrições para o novo certame público promovido pelo exército brasileiro, o qual está disponibilizando em torno de 1.100 vagas destinadas à formação de carreia de sargento, nos seguintes setores: na área geral e no departamento de aviação, com 1.010 vagas; no setor de música, com 30 vagas e no setor de saúde, com 60 vagas.

O preenchimento do cadastro de inscrição terá prazo estipulado até o dia 20 de abril, por meio da página: www.esa.ensino.eb.br. A taxa custa 95 reais.


Este processo seletivo se destina às pessoas do sexo masculino e feminino, que possuam ensino médio completo, como também formação técnica na área de enfermagem e estar em idade a partir de 17 anos. A questão das faixas etárias foi estabelecida do seguinte modo: limite de 24 anos em relação às especialidades gerais e aviação e limite de 26 anos em relação aos departamentos de música e saúde.

Sobre o Curso de Formação de Sargentos, são necessárias as seguintes informações:

O mesmo ocorre em duas etapas, iniciando com noções básicas e passando para a fase de qualificação pessoal. Duração integral de 48 semanas. Ao longo do período de formação acadêmica, todos os recrutas receberão salários no valor de 1.066 reais, de acordo com lei de remuneração das Forças Armadas. Os acadêmicos que chegarem ao fim do treinamento com méritos serão reconhecidos e empossados no cargo de terceiro sargento, cujo vencimento, atualmente, chega ao valor de 3.584 reais.


Com relação à distribuição de vagas nos diversos setores que compõe o cargo de sargento neste próximo certame, as informações são as seguintes: no departamento de música há vagas para os 11 naipes, como a clarineta, com sete postos; no fagote em dó e contra fagote em dó, com uma vaga; na flauta em dó e flautim em dó, com uma vaga; no oboé em dó e corne-inglês, uma vaga; no saxhorne, duas vagas; no saxofone, três vagas; na tuba, três vagas; nos tímpanos, no bombo, nos pratos, no tarol e na caixa surda, duas vagas; no trombone tenor e trombone baixo, quatro vagas; na trompa, uma vaga e no trompete, cornetim e flueghorne, cinco vagas.

No que tange aos cargos em geral, são 910 vagas destinadas aos homens e 100 às mulheres. Existem chances dentro das seguintes qualificações: em infantaria; em cavalaria; em artilharia; em engenharia; em comunicações; em material bélico (manutenção de viaturas, na manutenção de armamentos, como mecânico e operador de material bélico, em manutenção de viaturas blindadas, na manutenção das comunicações, em topografia e na intendência).

As provas e demais fases do processo de seleção seguirão o seguinte critério: haverá teste de capacidade intelectual no dia 29 de julho; em seguida a análise de títulos, que contará com a entrega dos devidos documentos entre os dias 8 e 9 de outubro; depois vem a fase de avalição da saúde, agendada para o dia 26 de novembro e dia 17 de dezembro; os devidos testes de aptidão física, que ocorrerão entre os dias 26 de novembro e 18 de dezembro e, finalmente, testes de habilitação em musica, entre os dias 19 e 21 de dezembro (neste último caso, o teste será aplicado somente sobre os candidatos inscritos nesse setor específico).

Todas as etapas do processo seletivo serão realizadas nas organizações militares localizadas nos seguintes municípios: cidade do Rio de Janeiro (RJ); cidade de Resende (RJ); cidade de Vila Velha (ES); cidade de Niterói (RJ); cidade de Juiz de Fora (MG); cidade de Belo Horizonte (MG); cidade de Três Corações (MG); cidade São João Del Rei (MG); cidade de Uberlândia (MG); cidade de Montes Claros (MG); São Paulo (SP); cidade de Campinas (SP); cidade de Lins (SP); cidade de Guarujá (SP); cidade de Taubaté (SP); cidade de Pirassununga (SP); cidade de Porto Alegre (RS); cidade de Santa Maria (RS); cidade de Cruz Alta, (RS); cidade de Santiago (RS); cidade de Pelotas (RS); cidade de Uruguaiana (RS); cidade de Bagé (RS); cidade de Florianópolis (SC); cidade de Cascavel (PR); cidade de Curitiba (PR); cidade de Ponta Grossa (PR); cidade de Salvador (BA); cidade de Aracaju (SE); cidade de Maceió (AL); cidade de Recife (PE); cidade João Pessoa (PB); cidade de Natal (RN); cidade de Fortaleza (CE); cidade de Teresina (PI); cidade de Petrolina (PE); cidade de Manaus (AM); cidade de Tabatinga (AM); cidade de Rio Branco (AC); cidade de Boa Vista (RR); cidade de Porto Velho (RO); cidade de Tefé (AM); cidade de São Gabriel da Cachoeira (AM); cidade de Brasília (DF); cidade de Palmas (TO); cidade de Goiânia (GO); cidade de Campo Grande (MS); cidade de Cuiabá (MT); cidade de Corumbá (MT); cidade de Rondonópolis (MT); cidade de Dourados (MS); cidade de São Luís (MA); cidade de Altamira (PA); cidade de Belém (PA); cidade de Macapá (AP); cidade de Imperatriz (MA); cidade de Santarém (PA); cidade de Itaituba (PA) e cidade de Marabá (PA).

Paulo Henrique dos Santos

Post Comment