Previsão do Novo Concurso da PC-MG 2018 – Escrivão



  

FUMARC será a banca organizadora da seleção.

A Polícia Civil de Minas divulgou nesta terça-feira, dia 26, através de publicação em diário oficial, a banca organizadora do novo concurso público em que será realizado para fim de contratação do cargo de escrivão para a Polícia Civil. Sua banca escolhida é a FuMaRC. E sua publicação do edital para abertura das inscrições será realizada já para esses próximos dias. Ao todo serão oferecidos o total de 119 cargos e para concorrer a uma dessas vagas é necessário possuir formação de nível superior em qualquer área. E sua remuneração base inicial será de 4.098,43 reais, a jornada de trabalho é de 40 horas semanais. E além disso, os aprovados contarão com mais benefícios.

De acordo com a declaração do chefe da Polícia Civil em Minas Gerais, o delegado major João Silva Neto, “este será sem dúvida nenhuma um ganho para toda a instituição e também será um ganho ainda maior para toda a sociedade em geral. Estaremos dando grandes avanços na PC/MG, incluindo a ampliação do nosso quadro efetivo do pessoal. Nós sabemos também das dificuldades principalmente a dificuldade financeira no nosso estado, porém, o nosso governo estará investindo pesado na segurança pública daqui para a frente”, completou o chefe.

Esses novos servidores no cargo estarão prestando serviços principalmente em todas condições adversas e também de segurança, sendo elas de alto risco de vida, e principalmente cumprir todos os horários normais e os irregulares, estando também sujeitos a plantões noturno sendo escalas ou não, chamados que sejam específicos a todo momento do dia, inclusive nas suas folgas, para realizar as de diligências policiais.

O último concurso que foi oferecido esse tipo de cargo foi em 2011, naquela ocasião foram oferecidas 205 vagas. E sua banca organizadora da época foi a mesma que estará realizando agora.

Na época a seleção realizada através das provas objetivas, uma avaliação psicológica, digitação, os exames biomédicos e também biofísicos, uma investigação social e o curso para que seja formado policial.

A sua prova objetiva na época continha 60 questões sendo elas, 10 de português, 5 direitos humanos, mais 10 de noção de direito, de noções básicas em medicina legal 5, 10 na disciplina de história e 10 de geografia, por fim mais 10 em noções de informática.





Por isso, se estiver procurando base para estudo, pesquise os editais de provas passadas ou até mesmo procure na internet tais provas, podendo estudar de uma forma clara e muito objetiva. Esteja bem preparado pois se tiver o interesse de passar e assim conquistar uma vaga.

Esse cargo é muito concorrido, muitas pessoas o almejam devido ao alto valor salarial, por isso se quer conquistar um espaço na corporação da Polícia Civil do Estado de Minas, terá que preparar-se muito bem.

Além de sua prova objetiva, que já é muito difícil, o processo seletivo também terá uma rigorosa prova de aptidão física, que exigirá muito potencial do seu físico. Por isso terá que preparar seu intelecto e também terá que preparar e muito bem sua condição física, muitos são reprovados infelizmente nessa parte dos testes.

Não é nada fácil conseguir entrar para a corporação, porém, se tem esse objetivo, deverá treinar e poder estudar muito para poder conseguir.

Fique de olho também nos sites especializados em concursos para que não perca nenhum detalhe da prova e vá se preparando estudando todos os conteúdos das provas passadas e não perca nenhum minuto para essa preparação.

Infelizmente esse cargo exige formação acadêmica, se você só possui ensino médio ficará de fora. Porém, fique de olho nos próximos concursos para os cargos da Polícia Civil que exigem apenas o ensino médio, acompanhe todo os próximos editais e fique de olho nas próximas oportunidades.

Ricardo Ferreira Rodrigues



Post Comment