Concurso para Auditor do SEFAZ-SC 2018 – Edital




Inscrições podem ser feitas entre os dias 10 de setembro e 10 de outubro de 2018.

Recentemente divulgado pelo SEFAZ/SC (Secretaria de Estado da Fazenda de Santa Catarina). O novo concurso público conta com a abertura de 90 vagas para Auditor Fiscal (cargo de nível I).

Destas 90 vagas, cinco em especial são diretamente disponibilizadas para candidatos portadores de alguma deficiência.


A Receita Federal também atribuiu aos seus futuros Auditores, três áreas principais de especialização e sua quantidade de vagas para cada uma:

  • Especialização em Auditoria e também Fiscalização com 60 postos disponibilizados.
  • Especialização em Gestão Tributária com 15 postos disponibilizados.
  • Especialização em Tecnologia da Informação com 15 postos disponibilizados.

Pré-requisitos

Serão aceitos quaisquer candidatos com certificado de conclusão do ensino superior em qualquer área de formação.

Remuneração e Jornada de Trabalho

Inicialmente o cargo de Auditor Fiscal disponibilizado pela Receita Estadual de Santa Catarina terá vencimentos mensais de R$ 22.853,33, adotando jornadas semanais de 40 horas de trabalho.


As inscrições

Podem ser feitas diretamente no site da Fundação Carlos Chagas (a qual administra este certame), através do link: www.concursosfcc.com.br.

O período de inscrições vai do dia 10 de Setembro (a partir das 10h) até o dia 10 de Outubro (até as 14h).

Lembramos que para os candidatos interessados será cobrada uma taxa de R$ 250 para participação.

Provas e Locais de Realização

No total serão aplicadas três provas de múltipla escolha todas elas tem caráter classificatório e também eliminatório. O conteúdo a ser ministrado nas provas estará divido em três áreas principais de conhecimento: básico, geral e específico.

As cidades que aplicaram as provas serão a própria capital do estado Florianópolis, além das cidades de Chapecó, Joinville e também Criciúma.

A primeira prova tem data marcada para o dia 17 de Novembro e terá duração de cinco horas no máximo, a segunda e a terceira para o dia 18 de Novembro, com duração máxima de 4 horas.

Conteúdo das Provas

Os candidatos realizarão uma primeira prova com 100 questões, divididas respectivamente em:

  • 25 questões sobre a Língua Portuguesa;
  • 15 questões sobre Estatística, Lógica e Raciocínio;
  • 15 questões sobre Finanças e Economia voltadas a áreas públicas;
  • 15 questões sobre a Constituição e seus Direito;
  • 15 questões sobre a Administração e seu Direito;
  • 15 questões específicas sobre os Direitos Criminais, Civis e Penais;

A segunda prova terá 80 questões divididas respectivamente em:

  • 20 questões sobre a área da Contabilidade;
  • 20 questões sobre a área do Direito Tributário;
  • 40 questões sobre a área de Legislação Tributária do estado de Santa Catarina;

A terceira prova também contará com 80 questões porém todas as questões estarão voltadas diretamente aos conhecimentos do cargo pleiteado.

Atribuições do Cargo

Além de toda preparação que envolve este concurso, o candidato também deve estar ciente das principais funções do cargo a ser pleiteado, de acordo com sua especialização (auditoria, tributária ou T.I). Abaixo detalhamos um pouco mais sobre elas:

Principais atribuições do cargo de Auditor Fiscal voltado a Auditoria e Fiscalização:

  • Proceder ações de execução, monitoramento e também fiscalização no que se refere aos tributos estaduais;
  • Realizar vistorias, implementar procedimentos de fiscalização com o intuito principal de promover o total cumprimento dos pagamentos e recolhimentos dos tributos dos contribuintes do estado;
  • Ter Autonomia para apreender tanto documentos como bens em processos de fiscalização;
  • Ter poder na requisição das informações de todos os contribuintes do estado, relacionados a bens e serviços, além de outras atividades;

Principais atribuições do cargo de Auditor Fiscal voltado a Gestão de Tributos:

  • Organizar e programar todas as atividades relacionadas a área tributária do estado, além do desenvolvimento de mecanismo para implementação e publicação destas normas;
  • Autonomia para representar o Estado de Santa Catarina perante diversos órgãos como o COTEPE, dentre outras atividades;

Principais atribuições do cargo de Auditor Fiscal voltado a Tecnologia da Informação:

  • Poder para gerenciar dados e informações econômicas voltadas a parte tributária;
  • Desenvolver e implementar programas, além de gerenciar sistemas relacionados as administrações tributárias;
  • Realizar atendimentos conforme escala e plantões estabelecidos, dentre outras atividades;.

Autor: Carlos B.

Post Comment