Concurso PGM PR 2019 – Vagas para Procurador





Certame tem cerca de 5 vagas disponíveis para carreira inicial de Procurador.

Há previsão para acontecer o Concurso de Procurador, na cidade de Curitiba, no estado do Paraná.

É isso mesmo! O concurso público da Procuradoria Geral do Município de Curitiba que está para acontecer visa selecionar candidatos para desempenhar a função de Procurador. Dessa forma, é exigido que o profissional possua formação de nível superior no curso de Direito, além de ser um profissional registrado na OAB. Estima-se que o salário inicial seja de cerca de R$ 17.000.




Sendo assim, se o leitor possui interesse em participar do novo certame ou conhece alguém que pode se interessar, as informações a seguir podem ser de grande importância.

O novo edital para o concurso público da PGM, ou seja, Procuradoria Geral do Município, neste caso, em Curitiba, no Paraná, já foi publicado no dia 08 deste mês. Ainda segundo as informações fornecidas pela administração do município divulgadas por meio do edital, haverá cerca de cinco vagas disponíveis para carreira inicial de Procurador.


Aqueles que tiverem interesse em participar do concurso público, podem realizar as inscrições entre o período do dia 22 do mês de fevereiro, até o dia 24 do mês de março. As inscrições são feitas por meio do portal do Núcleo de Concursos da UFPR, que dessa vez é banca organizadora responsável pela realização do certame.

Para garantir que a inscrição seja realmente concluída, é preciso que o participante desembolse uma taxa de R$200. A data máxima para que essa quantia seja quitada é de no máximo 25 de março.

Vale ressaltar que os participantes que almejam fazer a prova de seleção já devem começar a se preparar desde agora, já que a data da primeira fase do processo de seleção já foi confirmada e está se aproximando: será no dia 5 do mês de maio de 2019.

Para quem não sabe, o concurso para PMG acontece em etapas de seleção. Dessa forma, a primeira etapa é composta por uma prova objetiva, com valor eliminatório e classificatório. Aqueles que conseguirem se classificar podem começar a preparação para a segunda etapa.

A segunda etapa do certame é formada por prova dissertativa e também possui caráter eliminatório e classificatório. Essa prova é dividida em dois dias e o participante possui tempo máximo de 5 horas para finalizá-la.

Vale ressaltar que, como já foi dito anteriormente, a prova discursiva é realizada em duas fases distintas. Sendo assim, a primeira prova deve ocorrer no dia 09 de junho de 2019, sendo composta por três questões discursivas valendo quinze pontos por cada questão e ainda uma questão de Elaboração de Parecer, que vale a maior parte da pontuação da prova, valendo 55 pontos.

A segunda fase é composta também por Questões Discursivas, com a mesma quantidade e valendo a mesma pontuação da primeira fase, sendo o que difere é uma questão de Peça processual que também corresponde 55 pontos no resultado final.

Serão aprovados aqueles que conseguirem alcançar a média de no mínimo 60 pontos.

A terceira etapa corresponde à Avaliação de Títulos do Candidato e, por fim, Avaliações físicas e psicológicas.

Não é surpresa para ninguém que para aqueles que traçarem um caminho nos cargos de PGM, as remunerações podem chegar em até aproximadamente R$ 30.000. No entanto, o salário inicial ainda que seja elevado para um iniciante, é inferior a tal valor. Isto é, o salário como PGM é de R$ 6.500, são somados ainda a Responsabilidade Técnica, R$ 1960 e Prêmio de Atividade Jurídica, que pode chegar em até R$ 12.300.

Os editais para concursos públicos estão sendo cada vez mais procurados pela população em geral. Isso porque, os brasileiros veem nos processos seletivos públicos uma forma de ascender profissionalmente, conquistando estabilidade financeira.

Por Ana Paula Oliveira Coimbra

Concursos

Post Comment